seta

868 postagens no blog

Prefeitura de Piranhas

15/09/2021 18:04

O prefeito Tiago Freitas e o secretário Municipal de Planejamento, Wellton Falcão, protocolaram na Caixa Econômica Federal de Maceió, dois projetos de desenvolvimento turístico para o município de Piranhas. A ação aconteceu, na manhã desta quarta-feira (15), durante uma reunião com os gestores, engenheiros do município e representantes da Caixa Econômica.

O primeiro projeto protocolado foi o da construção de um Centro de Atendimento aos Turistas (CATs), no Centro Histórico do Piranhas. De acordo com o prefeito, um dos objetivos desse espaço é fornecer informações aos turistas. 

“Nesses centros, os turistas recebem, gratuitamente, o mapa da cidade, agenda cultural e informações sobre meios de hospedagem, agências de receptivo, núcleos de artesanato, gastronômico, entre outros. A construção dessa obra será um ganho gigantesco para o município”, frisou.

O outro projeto é o da requalificação da prainha do Centro Histórico, uma obra avaliada em mais de R$ 3 milhões. “Essa é uma obra aguardada há anos pela população de Piranhas e, sem dúvidas, vai trazer ainda mais turísticas para a nossa Lapinha do Sertão”, disse Tiago Freitas.

Os próximos passos, segundo o gestor, é aguardar que a Caixa Econômica realize os trâmites burocráticos para aprovação do crédito. Caso os projetos sejam aprovados sem alterações, o processo de licitação acontecerá até o final deste ano.

“Fazer turismo é investir no município de forma planejada e responsável. Seja através dos investimentos na infraestrutura e segurança, no fortalecimento do trade turístico ou na construção de projetos como os que protocolamos hoje. São ações que trazem mais qualidade de vida e humanização para o município”, finalizou

 

*Ascom Prefeitura de Piranhas 

seta

Educação de Santana do Mundaú segue entregando kits de gêneros alimentícios

31/08/2021 00:04

Em continuidade ao cronograma de entrega de forma escalonada, a Educação de Santana do Mundaú distribuiu mais 340 kits de gêneros alimentícios com recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), desta vez, aos alunos da Escola Denilma Vilar Bulhões. Composto por: macarrão espaguete, biscoito rosquinha, leite em pó, arroz, açúcar, proteína de soja, achocolatado líquido e frango adquirido por meio da agricultura familiar.

 

“Com estas ações, garantimos aos alunos que ainda não retornaram ao ensino presencial, o acesso à uma alimentação de qualidade, como são as merendas ofertadas em nossas escolas. Seguiremos avançando e fortalecendo a educação em nosso município”, destacou o secretário, André Castro.

 

Image.jpeg

...

seta

Meio Ambiente de Anadia coleta mais de 6 toneladas

30/08/2021 23:59

Mais de seis toneladas de resíduos elétricos, eletrônicos e lâmpadas foram coletados pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Anadia, através da campanha “Coleta ON Resíduo OFF” - uma iniciativa do Governo do Estado junto as empresas Biodigital, Qualitec.ne e Reciclus. Com a contribuição da população anadiense, que realizou o descarte de forma correta, foram coletados itens como lâmpadas, tvs, secadores, aparelhos de informática, pilhas, celulares, baterias entre outros.

“Graças ao empenho da nossa equipe e ao apoio do prefeito Celino Rocha, bem como, dos anadienses e parceiros envolvidos no projeto, conseguimos coletar uma grande quantidade de materiais que seriam descartados de forma irregular, causando impacto ambiental negativo, já que a natureza absorve os componentes que desgastam recursos naturais”, destacou a secretária Cledinete Pereira.

 

Image.jpeg

...

seta

Município de Porto de Pedras busca apoio do Sebrae Alagoas

20/08/2021 18:06

O projeto de melhor aproveitamento da casca do maçunim, sururu e ostra, que já é desenvolvido pelo Sebrae Alagoas nos municípios de Coruripe e Barra de São Miguel, pode chegar agora ao litoral norte do estado, dessa vez em Porto de Pedras. A Diretoria Executiva (Direx) da instituição se reuniu, na última terça-feira (17), com a secretária de Educação e primeira-dama da cidade, Márcia Cunha, e a deputada estadual Jó Pereira (MDB).

               Elas procuraram o Sebrae para obter informações de como inserir em Porto de Pedras projeto semelhante ao que é desenvolvido nos dois municípios do litoral sul, onde a casca de ostras e maçunim é usada como matéria-prima em diversas frentes comerciais, da decoração e artesanato à construção civil.

               “A gente vai trabalhar essas comunidades para uma melhor exploração tanto do fruto do maçunim em si, como um alimento, e também a sua casca, para fazer o melhor aproveitamento dela e poder agregar valor enquanto matéria-prima”, explica o superintendente do Sebrae Alagoas, Marcos Vieira.

“[A casca] pode ser usada na construção civil, na produção de tintas, ração para animais ou fertilizantes. São vários os usos da casca e a gente vai estudar como melhor utilizar esse material, para gerar valor para aquelas comunidades”, completa.

               A destinação ecologicamente correta da casca desses mariscos e moluscos também vai ajudar a resolver um problema muito comum, de ordem ambiental, que é a poluição no município. O acúmulo das cascas vai criando desequilíbrio ambiental nas localidades. Por isso, a utilização delas também é ventilada na produção de artesanato.

“São essas alternativas que nós vamos estudar. Vamos fazer uma reunião no próximo dia 31, em Porto de Pedras, para que a gente possa falar não só com a população daquele município, mas com toda aquela região. Já estivemos por lá num passado próximo, mas agora temos que retornar com os nossos técnicos, com o pessoal do IABS, da universidade, para melhorar a vida dessas comunidades”, destaca Vieira.

 

Parceria

O IABS citado pelo superintendente do Sebrae Alagoas é o Instituto Brasileiro de Desenvolvimento e Sustentabilidade, que atua no estado por meio da execução de um programa de inserção socioprodutiva, com foco na melhoraria da qualidade de vida da população que vive do comércio de sururu, ostras e maçunim.

               A diretora do IABS para a região Nordeste, Roberta Roxilene, participou da reunião por meio de videoconferência. Ela enfatizou que em Porto de Pedras pode ser feito trabalho semelhante ao que já é realizado no litoral sul de Alagoas e citou como exemplo a produção de cobogós - estruturas vazadas que favorecem a ventilação e o aproveitamento da luz, com charme e design, após a instalação em paredes.

               “Cerca de 50% a 60% do cobogó é feito com a casca do maçunim por meio de uma parceria com a empresa Portobello”, revela. “O que acaba gerando um produto de valor agregado”, destaca Roberta, reforçando que a prática ajuda a mover a economia circular entre as comunidades de catadoras de sururu e maçunim.

Zezinho Nogueira, presidente do Conselho Deliberativo Estadual (CDE) do Sebrae Alagoas, avalia que a iniciativa de Porto de Pedras, em buscar informações junto à instituição, é um passo importante para tentar agregar valor ao maçunim, principalmente por fomentar a economia circular. “Também vai ajudar no estudo para o desenvolvimento de novos produtos”, prevê.

               A secretária de Educação de Porto de Pedras e primeira dama do município, Márcia Cunha, lembra que a cidade deve receber em breve a certificação Bandeira Azul, selo internacional que reconhece atividade do turismo responsável na região.

“No caso do município, o selo se deve ao projeto piloto que é desenvolvido na Praia do Patacho. Por isso é tão importante iniciarmos esse trabalho junto às comunidades de catadoras de maçunim da região”, observa ela.

O programa Bandeira Azul é desenvolvido pela organização internacional, não-governamental e sem fins lucrativos FEE (Foundation for Environmental Education).

Também participaram da reunião o diretor técnico do Sebrae Alagoas, Vinícius Lages; o diretor administrativo e financeiro, Roberval Cabral; e a analista da Unidade de Soluções e Inovações (USI) da instituição, Ana Madalena Sandes.

 

Assessoria de Imprensa do Sebrae Alagoas

seta

Município de Anadia já vacinou 73% da população com a primeira dose contra a Covid-19

19/08/2021 16:55

A Secretaria Municipal de Saúde de Anadia divulgou, nesta terça-feira (17), que 73,6% da população já recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19. O percentual equivale a 8.631 anadienses imunizados; já com a segunda dose e dose única, já são 4.254; no total, o município aplicou até o momento, 12.885 doses do imunizante.

A secretária Sônia Mascarenhas comentou sobre a importância do avanço da vacinação no município e agradeceu o empenho dos profissionais da linha de frente. “Ao longo dos meses, estamos apresentando ótimos resultados com o avanço da aplicação da vacina, um deles, é que há 18 dias consecutivos não registramos casos confirmados da doença. Aproveito para reforçar sobre a importância da segunda dose que garante o esquema vacinal completo, além de reduzir a circulação do vírus na nossa cidade. Esses dados também são fruto do empenho de todos os profissionais que diariamente estão se dedicando para que possamos viver dias melhores e o apoio incondicional do prefeito Celino Rocha”, disse.

 

Image.jpeg

...

seta

Primeira Edição © 2011