Governador assina ordem de serviço para construção de CISPs

30/06/2022 15:17

A- A+

Assessoria

compartilhar:

O governador Paulo Dantas e o secretário de Segurança Pública, Flávio Saraiva, assinam, nesta sexta-feira (1°), as ordens de serviço para a construção de três novos Centros Integrados de Segurança Pública do tipo III, que serão construídos em União dos Palmares e nos bairros do Trapiche da Barra e do Benedito Bentes, em Maceió.

O investimento estadual de mais de R$ 43 milhões nesses equipamentos vai fortalecer a política de integração entre as forças de segurança, promovendo melhores condições de trabalho para as equipes do Corpo de Bombeiros e das polícias Civil e Militar que atuam nas duas cidades.

No Benedito Bentes, o novo prédio vai alocar o 5° Batalhão da Polícia Militar, equipes da delegacia do distrito policial e o quartel do Grupamento de Socorros e Emergências (GSE), que é responsável pelo serviço de atendimento pré-hospitalar na capital, administrando as viaturas de resgate que ficam distribuídas nas diferentes unidades.

Já a unidade do Trapiche da Barra vai abrigar o efetivo do 1° Batalhão da PM, as equipes da PC e o Grupamento de Salvamento Aquático (GSA) do CBM. O GSA possui um efetivo de cerca de 108 militares e é responsável pela segurança de banhistas nas praias e balneários na Região Metropolitana, além de atividade de mergulho de resgate em todo o estado e serviço de resgate em áreas inundadas no estado todo.

Com esse aparelhamento, o Governo de Alagoas dá mais agilidade às ações de segurança pública na Capital, promovendo a atuação integrada no combate à violência e no atendimento à população que vive e visita Alagoas.

Já no município de União dos Palmares, um dos mais populosos da Zona da Mata alagoana, a unidade do tipo III será um importante polo de segurança pública na localidade, fortalecendo as ações operacionais, ostensivas e investigativas na cidade e na região circunvizinha.

O prédio, de dois pavimentos, terá 2.700 m² e contará com recepção, sala de confecção de boletins de ocorrência, reserva de armamento, plataforma elevatória para PNE, salas para administração de cada corporação, alojamentos, salas para atividades, mezanino, refeitório, além de um prédio anexo para equipamentos e viaturas do Corpo de Bombeiros, uma quadra poliesportiva e um heliponto.

Outro diferencial deles para os CISPs do tipo II são as celas, que terão capacidade para 32 detentos, divididos em quatro celas, sendo duas masculinas, uma feminina e uma para menores.

Já estão em funcionamento 41 CISPs nas cidades de Boca da Mata, Murici, São José da Laje, São José da Tapera, Girau do Ponciano, Ouro Branco, Cajueiro, Igaci, Viçosa, São Luís do Quitunde, Junqueiro, Pão de Açúcar, São Miguel dos Milagres, Mata Grande, Batalha, Major Isidoro, Messias, Teotônio Vilela, Campo Alegre, Pilar, São Sebastião, Taquarana, Marechal Deodoro, Maribondo, Lagoa da Canoa, Coruripe, Joaquim Gomes, Porto Real do Colégio, Craíbas, Matriz de Camaragibe, Novo Lino, Porto de Pedras, Palmeira dos Índios, Piaçabuçu, Rio Largo, Penedo, Piranhas, Jequiá da Praia, Igreja Nova, Traipu e Atalaia.

Estão em construção uma unidade do tipo III em Santana do Ipanema e dez do tipo I, no distrito de Pindorama, em Coruripe, Paripueira, Cacimbinhas, Inhapi, Água Branca, Colônia Leopoldina, Barra de São Miguel, Estrela de Alagoas, Anadia e Ibateguara que, em breve, serão entregues à população.

Primeira Edição © 2011